Como manter seu negócio seguro?
Tendências de TI
10/08/2019
Print Friendly, PDF & Email

Como manter seu negócio seguro?

A tecnologia está redefinindo a forma com que as empresas se relacionam com seus públicos.  Graças ao fato de que muitas empresas estão trabalhando em suas estratégias para implementar a tão falada Transformação Digital, hoje se pode dizer que contam com uma relação mais direta com o cliente através de diversos canais.

Isto implicou também em um crescimento das potenciais ameaças.  À medida que as empresas vão ampliando suas ofertas de serviços através de meios digitais, aumenta também a possibilidade de sofrer novas vulnerabilidades.  No entanto, muitas organizações não têm consciência disto e costumam cometer o erro de deixar de lado ou não priorizar neste processo um dos pilares mais importantes: a segurança.

Proteger a rede contra agentes maliciosos em geral não é um tema considerado fundamental entre os executivos na hora de apresentar os investimentos nos programas de Transformação Digital.  Ainda assim, deveria ser um dos temas mais importantes a serem levados em conta, já que aumentar a quantidade de dispositivos conectados à rede, a dependência de diversos sistemas e a quantidade de dados em formato digital, aumenta exponencialmente a possibilidade de nos convertermos em alvos interessantes para os atacantes.

Controle e visibilidade devem ser, portanto, dois pilares a serem considerados no momento do desenho de nossa estratégia.  Controle, para mitigar ou diminuir os potenciais riscos que forem identificados e visibilidade, através de um monitoramento constante do tráfego na rede em tempo real agregado.  A tudo isto deve ser acrescentada uma análise profunda de ameaças para a tomada oportuna de decisões no futuro.  Esta visibilidade requer, sem dúvidas, um trabalho coordenado entre os distintos especialistas da organização e os especialistas de nossos provedores de serviço.  A Lumen mitiga diariamente mais de 120 ataques de negação de serviço e identifica uma média de 195.000 ameaças exclusivas, que afetam cerca de 104 milhões de alvos exclusivos.  Isto é uma evidência clara de que a ameaça, ainda que pareça invisível, está presente.

Agora, atualmente não é suficiente apenas desenvolver uma estratégia de detecção e prevenção de ameaças.  Ter em mãos um plano de resposta a incidentes caso surja um imprevisto torna-se imperativo para evitar um dano significativo aos negócios.  A empresa deve estar preparada de antemão para saber como atuar caso um risco se materialize.  Considerando que nem todos os ativos que possam ser comprometidos possuem o mesmo nível crítico, é fundamental contar com uma análise de risco que nos mostre o que deve ser priorizado.

Por último, é importante destacar que o treinamento de toda a organização deve ser reforçado, sem esquecer os tomadores de decisões, já que este é um aspecto-chave para que qualquer estratégia prospere.  Sem o apoio adequado das pessoas, impulsionado pela alta liderança, é muito complexo garantir o sucesso.

Martín Fuentes

Security Business Senior Manager

Lumen, LATAM

 

 

Compartilhar

Artigos Recentes

Cibersegurança: fundamental para “fechar as portas” para os atacantes

by | maio 21, 2024 | Segurança,Segurança,Tendências de TI | 0 Comments

O foco na visibilidade da rede, a disponibilidade das aplicações, a resiliência dos data centers, a capacitação das pessoas e o monitoramento contínuo da...

Um guia para começar a usar seu assistente de IA Companion

by | maio 16, 2024 | Tendências de TI,UC&C,UC&C | 0 Comments

  No acelerado ambiente de trabalho atual, as prioridades são maximizar a produtividade e melhorar a colaboração.  Felizmente, a tecnologia de IA pode ajudar nisto...

Conectando Latitudes: Rumo a um futuro digital seguro e eficiente na América Latina

by | maio 15, 2024 | Conectividade,Conectividade,Tendências de TI | 0 Comments

  O dia 17 de maio é o Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade da Informação, momento propício para refletirmos sobre os avanços e perspectivas dessa área...

O futuro dos data centers na América Latina: transformação impulsionada pela inteligência artificial

by | maio 2, 2024 | Data Center & Hybrid Cloud,Data Center & Hybrid Cloud | 0 Comments

Em um mundo cada vez mais interconectado, a inteligência artificial será um motor de transformação para a indústria de data centers na América Latina   A inteligência...

Como ajudar suas equipes de vendas com a Inteligência Conversacional (2ª parte)

by | mar 26, 2024 | UC&C | 0 Comments

Em nosso artigo anterior, discorremos sobre a diferença entre Inteligência Conversacional e IA Conversacional - algo bem sutil mas com aspectos e aplicações diferentes...

O que eu, mulher, já vivi no mercado de Tecnologia?

by | mar 19, 2024 | Tendências de TI | 0 Comments

Como minhas experiências e desafios me ajudaram a conquistar espaço nesse setor Que mulher nunca ouviu alguma dessas frases no seu dia a dia de trabalho? “Lá vem a...

Façamos com que o futuro dependa de nós, estejamos cientes da IA e trabalhemos de acordo com ela

by | mar 18, 2024 | UC&C | 0 Comments

Adoro ler livros ou conversar com pessoas que enfrentam o olho do furacão quando ocorrem coisas transformadoras no mundo e, em particular, com aquelas ligadas a novas...

Inteligência Conversacional versus IA Conversacional. Qual é a diferença? (1ª parte)

by | fev 20, 2024 | UC&C | 0 Comments

Existe uma solução de Inteligência Conversacional (Conversation Intelligence) que melhora a produtividade, encurta os ciclos de negociação e aumenta a previsibilidade...

Navegando pela Nova Fronteira: Desafios e Oportunidades para empresas chinesas em expansão para a América Latina

by | fev 6, 2024 | Tendências de TI | 0 Comments

A expansão para a América Latina representa uma excelente oportunidade para as empresas chinesas que desejam acessar novos mercados e aumentar sua presença global.  Os...

A infraestrutura em nuvem: um motor de inovação e transformação corporativa

by | dez 28, 2023 | Data Center & Hybrid Cloud,Tendências de TI,Tendências de TI | 0 Comments

A era digital trouxe uma oportunidade sem precedentes para promover novos modelos de negócios na internet, que se adaptam aos novos hábitos de consumo e às necessidades...